Videolaringoestroboscopia

É muito semelhante ao exame citado acima já que é utilizado também um laringoscópio rígido acoplado a um sistema de vídeo. Contudo, o grande diferencial é o sistema especial de iluminação gerado pelo estroboscópio, que dá um efeito de câmera lenta. Isso permite uma análise mais detalhada das estruturas da laringe, principalmente as pregas vocais. Dessa forma, torna-se mais evidente o diagnóstico de lesões que causam problemas na VOZ como nódulos, cistos, pólipos, lesões pré-malignas e malignas de pregas vocais.